Sal: o inimigo silencioso para dores de cabeça

Publicado em 08/01/2021

 Causas

O cloreto de sódio, o famoso sal de cozinha, é uma substância importante para saúde por ser responsável por diversas funções. Porém, em excesso, ele pode ser responsável por complicações que vão de dores de cabeça à pressão alta.

O sal é uma importante fonte de sódio para o organismo, entretanto, a quantidade recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é 2g de sódio por pessoa ao dia, o que equivale à 5g de sal (40% do sal é composto de sódio). Contudo, os brasileiros costumam consumir mais do que o dobro dessa quantidade diariamente.1

Isso influencia diretamente no aparecimento de doenças como: hipertensão arterial sistêmica, crise hipertensiva, dores de cabeça, problema nos rins e osteoporose. Também pode causar envelhecimento precoce e aumentar a taxa de mortalidade.2

Essas situações podem ser evitadas caso o consumo seja ponderado e atrelado a hábitos saudáveis, como a prática de exercícios físicos e consumo efetivo de água.

Por que o excesso de sal desencadeia doenças? 

Quando existe um excesso de sal na corrente sanguínea, um estímulo é gerado para que o organismo aumente a quantidade de água nas veias. Isso acontece para facilitar o transporte e a eliminação do sal, evitando que ele se acumule. Porém, com o maior volume de sangue fluindo nos vasos, a pressão arterial aumenta.3

A hipertensão arterial sistêmica é uma doença silenciosa, que costuma apresentar sintomas somente quando o quadro já está em um estado mais desenvolvido. Eles costumam ser: dores de cabeça, cansaço, dor no pescoço, dor nos olhos, sensação de peso nas pernas ou palpitações. Importante pontuar que mesmo se houver identificação com os sintomas, somente um médico pode diagnosticar o caso.4

Verificar a pressão, pelo menos uma vez ao ano, é essencial para avaliar se existe alguma alteração que merece atenção extra. Como os sintomas demoram a aparecer e, muitas vezes, nem aparecem, somente com a verificação é possível saber se o caso diz respeito à hipertensão.4

Também existe a possibilidade de uma dor de cabeça intensa se tratar de uma crise hipertensiva. Nesse caso, o quadro tem como qualidade ser um evento isolado, caracterizado pelo grande aumento da pressão arterial. Em que a sistólica (pressão arterial máxima) fica acima de 180 mmHg e a pressão diastólica (pressão arterial mínima) encontra-se superior a 110 mmHg - popularmente 18 por 11. Quanto mais alto esse valor mais grave é a crise e maiores os riscos para a saúde, por isso é de suma importância procurar um médico quando ocorrer.5

Além da hipertensão arterial sistêmica, a doença mais comum relacionada ao consumo em excesso do sal, essa substância também tem relação com outras complicações, como:

A falta de sal causa dor de cabeça?

O sal é uma importante fonte de sódio, por isso ele é necessário para o organismo. O sódio tem o papel de ajudar a controlar o volume de água corporal, além de participar de diversas funções fisiológicas. Por isso, a deficiência do sódio - hiponatremia - tem consequências, como náuseas, dor de cabeça, cansaço excessivo e, em casos mais graves, convulsões e coma.3

O consumo do sal precisa existir, porém, para que não cause dores de cabeça e outras doenças, é preciso que seja ponderado. 

Tempere e consuma o sal com moderação 

O sal de cozinha é utilizado pela maioria das famílias pelo mundo. Essas, não costumam fazer um consumo consciente e exageram na quantidade diária necessária. Para que não haja um aumento expressivo no número de casos de hipertensão arterial sistêmica é preciso trocar os hábitos alimentares, como: 

Incluindo na rotina essas mudanças, as chances de melhorar as condições corporais e o quadro de hipertensão arterial sistêmica são maiores, além de também prevenir para que as dores de cabeça não aconteçam. 

Quer saber mais como fazer isso? Saiba mais em Quais alimentos podem melhorar a dor de cabeça?

Tenha bons hábitos, consuma sal com moderação e tenha uma vida mais saudável. 

1. Ministério da Saúde. Os perigos do consumo excessivo de sal. Acesso em: 16 de novembro de 2020.

2. Globo GNT. Conheça as doenças provocadas pelo excesso de sal no organismo. Acesso em: 16 de novembro de 2020.

3. MD. Saúde. Por que comer sal em excesso é perigoso? Acesso em: 16 de novembro 2020.

4. MD. Saúde. Hipertensão arterial: o que é, sintomas e tratamento. Acesso em: 16 de novembro de 2020.

5. MD. Saúde. Crise hipertensiva: como baixar a pressão arterial. Acesso em: 16 de novembro de 2020.

Tags:

  sal

  sal de cozinha

  dor de cabeça

  dores de cabeça

Este artigo foi útil?
Sim
Não
Usuários que acharam esse artigo útil:

Recomendados para você