Cefaleia e enxaqueca são a mesma coisa?

Publicado em 24/05/2020

 Sintomas

Embora sejam facilmente confundidas, a cefaleia e a enxaqueca são tipos diferentes de dor de cabeça.

É possível entender as diferenças entre as dores ao prestar atenção em detalhes como causas, sintomas e a parte afetada pela dor. Você sabe se a sua dor é cefaleia ou enxaqueca?1,2,3

Cefaleia é o nome popular da dor de cabeça

Toda dor sentida na região da cabeça, independentemente do responsável, é chamada de cefaleia, podendo ocorrer desde a infância até a velhice. Cerca de 95% da população brasileira já teve cefaleia pelo menos uma vez na vida.1,2,3

Enxaqueca é um tipo de cefaleia

Existem vários tipos de dor de cabeça, diferenciados pela forma como a dor se apresenta e pelo gatilho. A enxaqueca pode ser hereditária, deste modo, é diagnosticada ainda na juventude, pela maior sensibilidade das pessoas afetadas aos gatilhos que provocam a dor.1,2

Apesar de a enxaqueca ser uma cefaleia, ela corresponde a uma doença que afeta o sistema nervoso e o sistema muscular do cérebro.1,2

Então, como distinguir enxaqueca de cefaleia?

Além do fato de a enxaqueca ser uma doença diagnosticada que apresenta a cefaleia como sintoma, também existem outras diferenças que podem ajudar a entender se você sofre de cefaleia ou enxaqueca.1,2,3

Causas

Cefaleia: como cada tipo apresenta um responsável pela dor, os causadores podem ser fatores emocionais, hormonais, alimentares ou físicos.

Enxaqueca: apesar de poder ser provocada pelos mesmos motivos da cefaleia, por se tratar de uma doença, as principais causas da enxaqueca são a hereditariedade e a recorrência da dor de cabeça.1,2

Sintomas

Cefaleia: surge em forma de dores de cabeça moderadas, que duram apenas por algumas horas. A presença de outros sintomas é menos comum, podendo aparecer nos casos em que doenças provocam a cefaleia.

Enxaqueca: além da forte dor de cabeça, que pode durar dias, a enxaqueca também pode provocar com frequência outros sintomas como náuseas, enjoo, tontura, aversão à luz e sons.2,3

Parte da cabeça afetada

Cefaleia: a dor causada pela cefaleia pode se manifestar em regiões diferentes da cabeça dependendo do seu causador, surgindo apenas após entrar em contato com algum gatilho.

Enxaqueca: neste caso, a dor é pulsante e unilateral, afetando somente um dos lados da cabeça e, por se tratar de uma doença, a dor de cabeça é mais frequente.1,2

Amenizando as dores provocadas pela cefaleia e enxaqueca

A primeira recomendação para quem sofre tanto com a cefaleia quanto com a enxaqueca é simples: evite ao máximo as possíveis origens da dor de cabeça. Assim, você consegue diminuir a recorrência da dor e, consequentemente, os sintomas que ela pode provocar. Caso a dor de cabeça seja persistente ou aumente com o passar do tempo, procure um neurologista para realizar o diagnóstico.1,2,3

Para garantir o alívio da enxaqueca, consulte um médico para que ele avalie seu caso e decida se há a necessidade de um tratamento com medicamentos para controlar a dor e orientar sobre como proceder em episódios de enxaqueca.1,2,3

Manter um estilo de vida mais saudável também pode ajudar no tratamento e prevenir as dores ao aumentar a resistência do corpo. Pratique exercícios físicos regularmente, mantenha o corpo hidratado e invista em uma alimentação saudável. Qualidade de vida sempre é o melhor remédio para viver bem e sem dores de cabeça.1,2,3

1. Hospital Sírio-Libanês. Enxaqueca - sintomas, diagnóstico e tratamento. Acesso em: 06 de Maio de 2020.

2. Hospital Albert Einstein. Enxaqueca. Acesso em: 06 de Maio de 2020.

3. Hospital Albert Einstein. Dor de cabeça. Acesso em: 06 de Maio de 2020.

Tags:

  enxaqueca

  dores

  episódios de enxaqueca

  crise de dor de cabeça

  cefaleia

  dor de cabeça

Este artigo foi útil?
Sim
Não
Usuários que acharam esse artigo útil:

Recomendados para você